quarta-feira, 29 de dezembro de 2010

Refúgio...


Tem dias que as coisas pegam mais em baixo.A gente quer pensar com clareza mas simplesmente não consegue.Tudo fica meio dramático.Totalmente neurótico.Coisa assim,meio Wodd Allen.Sim,essa sou eu ás vezes.Vc não?Eu tenho um refúgio.Vc tem o seu ?
Tem dias que o bom humor cede lugar pra chatice.E mesmo a gente não tendo paciência com gente reclamona,acaba se tornando uma delas.Nesses momentos a gente quer platéia fazendo coro,solidária.Como sei que gente reclamona é um pé no saco,trato logo de correr para meu refúgio.Que é pra o mundo não ter que me aturar quando estou dessa maneira,chatona...
Nesses dias entro no meu flat particular.Um espaço em que coisas intragáveis não me afetam.Eu tenho acionado meu flat particular ultimamente.Ando com preguiça de várias atitudes,de alguns fatos e de algumas pessoas.Eu agora não falo mais com gente que me aborrece.Eu sorrio.Eu vou embora.Vou para meu flat particular.
Meu flat particular tem cheirinho de lavanda.Toca uma música gostosa.Tem livros incríveis de poesia e alguns de coisas fúteis.Alguns o fazem pensar na vida e outros fazem vc chorar de tanto rir.Passa filmes deliciosos a todo momento e tem chocolates pra comer o tempo todo.Lá toca um apito cada vez que alguém fala uma mentira e as luzes piscam quando as intenções não são boas.A comida não engorda.E o cabelo acorda brilhante todos os dias.Lá não existe celular.E o telefone é um "troço" que ficou obsoleto.Lá as pessoas podem conversar comigo olho no olho.Tomando um chá,em canecas lindas e presenteadas com carinho.No meu flat particular não precisa passar hidratante,mas a gente passa por que o cheiro é gostoso.E a água pra beber é servida em taças lindas com raminhos de hortelã.Lá não há espaço para dor no peito.E nem no pé.É que meus pés doem muito no mundo real,então preciso correr logo pra lá,que é para eles pararem de doer.Lá não preciso ficar com vergonha de dizer que estou lendo toda a saga Crepúsculo pela oitava vez.É que lá,é permitido não crescer.E ninguém ri da gente por isso...
Olha,o ano ta acabando,que tal vc começar a construção do seu flat?Lá tudo pode ser do seu jeitinho.E ninguém pode te afetar.

segunda-feira, 27 de dezembro de 2010

Carinhos...


Eu amo o Natal mas detesto Dezembro.Detesto essa correria.Detesto a loucura de ver mais um ano indo embora.Então penso que o Natal deveria ser em Julho.No meio do ano.Que é pra ter um pouquinho mais de tempo de fazer a lista de resoluções.Mas eu amo o Natal para estar com os amigos e com a família.E continuo detestando Dezembro pois não consigo estar com eles.Dezembro é o mês que meu trabalho quadriplica.Não dá tempo nem de fazer as unhas.E fora que todo mundo acha que tomei doril.Por que sumo mesmo!É que meu Dezembro começa lá em Novembro.Loucura?Total!!Ufa,que confusão...
E agora o Natal passou.E vai dando uma saudade dele.Quero ficar dormindo na sala para ficar pertinho da árvore enfeitada.Quero ficar vendo as luzinhas piscando até dormir feito criança.Quero ficar contemplando minha linda guirlanda na porta da entrada de casa.Será que pode deixar todo esse apetrecho montado o ano todo?Ai,acho que não...Buááá´´a
Eu já falei uma vez que Natal pra mim tem um cheiro especial.Tem cheiro de carinho.E toda vez que alguém me presenteia com uma coisa e fala que trouxe uma lembrança eu logo faço questão de corrigi-lo:"não,isso que vc me deu não é uma lembrança.É um carinho".
Nesse Natal ganhei mil carinhos.Teve carinhos de minhas duas famílias(a que nasci e a familia do Richard).Carinho de meus amigos.Carinho do meu amor.E Tb meus próprios carinhos(rs).E sabe o que foi melhor? Cada coisinha que ganhei ,seja ela caríssimaaaaaa ou baratinha teve um imenso significado.Tudo,absolutamente tudo, mostrou que a pessoa que me presenteou pensou exatamente no que me faria feliz.Melhor ainda.Esses presentes mostraram que essas pessoas me conhecem muito.Esses presentes mostraram que essas pessoa estão prestando atenção em mim.E nenhum presente pode ser melhor que esse...
Esse post vai causar uma super encrenca de ciúmes.Mas é inevitável.Esse post é especial para:
Naty : que sabe da minha paixão por canecas.Que conhece meu ritual de tomar chás com meu amor á noite.
Susana :que conhece minha obsessão por jóias delicadas
Leka : que sabe que eu gostaria de morar na livraria Saraiva para ficar comprando Cds,Dvds e livros.
Davis : que sabe que amo makes,mas que mesmo amando makes,elas estão em segundo plano quando o assunto são filmes.
Arizinhuu : minha dupla eterna que se deixa presentear e fica emocionado.
Andrea :por entrar no meu caminho e fazer de tudo presentes lindos!
Priscila :por entrar no meu caminho e tb fazer de tudo presentes lindos!
Vcs tornaram tudo mais divertido e colorido na Provence!
Obrigada.

terça-feira, 26 de outubro de 2010

Rendição...


Sempre tive receio com a palavra casamento.Nunca consegui me ver no meio daquela loucura toda.Sabe,casamento pra mim tinha uma conotação de entrega total,viver para o outro,cuidar de outra pessoa.E, narcisista como sou,isso soava meio que impossível pra mim.Uma verdadeira tortura.Uma tarefa que eu nunca concluiria com êxito.Nunca me imaginei no papel de alguém que precisa dividir tudo.Nunca me vi no papel de ter que pedir permissões para tomar minhas decisões,para levar minha vida e também nunca me via no papel de cuidar de alguém...Só que o destino me pregou uma peça.Em todos os sentidos.Estou tendo a sorte de não me sentir tolhida.De não me importar de pedir permissão.De dividir com igualdade.E percebendo que não tenho a pesada responsabilidade de fazer a pessoa ao meu lado feliz.Quando a gente casa,precisa entender que continua a mesma pessoa.Precisa continuar se enxergando.Tem que tirar da cabeça que agora verá uma imagem diferente no espelho.E precisa parar de achar que a pessoa ao nosso lado tem que se transformar em nossa alma gêmea.Essa piração de alma gêmea é suicídio certo do amor.Ninguém vai te completar.Só você tem a responsabilidade de se completar.De saber o que o faz feliz.Não é justo jogar esse peso nas costas de outra pessoa.Vai ser uma batalha sempre sem vencedores. Ter alguém ao lado só vale se for para tornar a sua vida mais divertida.Fora isso,qualquer coisa que deseje consertar em si mesmo, cole os cacos sozinho...Entenda que o amor esta aqui pra deixar a gente leve.Não para consertar buracos da vida,esses talvez devam existir pra sempre,que é pra gente nunca esquecer do que passou...São suas cicatrizes,histórias da vida que você escolheu...

segunda-feira, 25 de outubro de 2010

Poesia minha...


Sou feliz de propósito.
Esperando o dia em que o tempo
Não vai mais se arrastar.
Pois sou feliz de propósito.
E você não altera nada no meu dia.
Meu sorriso esta aqui.
Não é mais pra você.
Você se foi ,lembra?
Os braços estendidos?
Também não há mais.
Então vivo feliz de propósito
Chego,fico,permaneço.
Um barco na direção que o vento levar.
Sou feliz de propósito.
Pintei os lábios.
Ando até penteando o cabelo...
Sim,sou feliz de propósito.
E não sinto mais sua falta.
Não vou sentir.
Não posso sentir.
Não mais...

segunda-feira, 18 de outubro de 2010

De cara limpa...


Queria resistir a mais um par de sapatos.Resistir aos encantos dos tons dos batons.As cintilancias e cores dos esmaltes.Queria não desejar a décima camisa branca.E ignorar os óculos de diversos formatos.Gostaria de ser desprendida e usar apenas uma bolsa.Não gostar de makes e dos vestidos maravilhosos da Maria Bonita Extra.Queria ter amor apenas por livros e conseguir comer apenas um prato de macarrão.Sem molho.
Não pirar numa banca de jornais e comprar todas as revistas que vejo pelo frente.Principalmente aquelas que vem com um brinde.Também queria ser imune ao encanto das paletas de sombras Chanel.E não assistir ao mesmo filme 30 vezes.Meu cabelo devia brilhar com aquele shampoo baratinho.E minha pele podia não precisar de corretivo e cremes anti manchas.Eu Tb não devia ser apaixonada por camisas pólos de jacarés e nem comprar tudo da saga Crepúsculo.Não devia amar sorvete.Ou ao menos gostar apenas daqueles de limão com pouca caloria.
Mas, me diz,onde estaria a diversão de viver? A gente passa a vida se desculpando pelas coisas que gosta,com medo do olhar e da crítica dos outros.Com medo do julgamento.Eu ando numa fase em que quero parar de pedir desculpas pelas coisas que me dão prazer. Sei que não é fácil mas estou tentando.E você,quer começar também?

segunda-feira, 4 de outubro de 2010

Comer Rezar Amar.






O filme é leve,leve,leve...Sou apaixonada pelo livro.Já li 3 vezes.Livro que amo e vira filme sempre me deixa desconfiada.A gente quer que seja igualzinho.Só que esquece que livros são universos e interpretações particulares.A gente vê de um jeito.Fulano vê de outro.Esse livro me deu grandes reflexões.Pode parecer piegas mas é verdade.Acho que é um livro que toda mulher deve ler.Ontem fui ver o filme e depois que me desprendi consegui curti-lo.Logo depois,me dei de presente o outro livro da Liz.Pra combinar com minha atual fase (COMPROMETIDA).Programinha leve para terminar um domingo chuvoso...Se vc não gostar,ao menos tem o Javier Bardem...Ah Deus,Colírio...

sábado, 2 de outubro de 2010

Vai amarelar?





Sempre adorei "nude" antes mesmo de ser moda.Nunca fui ousada ao me vestir.Ao contrário,sempre fui extremamente clássica.Odeio o que a moda faz com as peças.Hoje morro ao ver a quandidade de bolsas tipo Chanel pelas ruas.Acho que essa peça clássica foi a que mais sofreu nos últimos anos em relação ao modismo massificado.Amo nude,preto e outros tons mais comportados, mas não resisto a uma cor específica :o amarelo.Essa cor dá uma pitada de alegria a qualquer visual.No outro dia minha amiga Sil do blog Coisas da Sil me falou que andava numa fase apaixonadas por peças amarelas. Confesso que pra mim não é uma fase.Eu amoooo amarelo.Pessoas que vestem amarelo são iluminadas por natureza,são conquistadoras e desbravadoras.Corajosas,pois sabem que os outros amam ou odeiam essa cor...Eu nem ligo,sou de amarelar mesmo...rs

quinta-feira, 23 de setembro de 2010

Escolha o clima que deseja viver...







Eu escolho viver na Primavera todos os dias...Aprendi a não esperar chegar Setembro.Assim como estou aprendendendo a tornar todos os dias muito especiais.Todos os dias mereço flores na minha casa.Todos os dias uso uma porcelana nova.Todos os dias percebo que um objeto tem mil possibilidades e pode ficar mais lindo em outro lugar.Só precisa da minha sensibilidade.Todos os dias olho pela minha janela e vejo as flores lindas da minha vizinha e seus olhos tb tem o prazer de compartilhar as minhas...
E finalmente quando chega a Primavera,ela já esta presente em cada coisa minha.Pois flores são vida.Flores são mimos...E a gente merece mimo todo dia não é mesmo?

quarta-feira, 22 de setembro de 2010

Vc resiste ???



Eu não me lembro de haver tanto "frison" por causa das cores de esmaltes usadas.E é engraçado como eles se tornaram objeto de desejo.Falei ontem no blog de uma amiga (Mika,do Changing Room) que sinto falta de chegar no salão e pedir o eterno "Via Lactea".Hoje,se desejamos colocar uma corzinha clarinha, as manicures já nos olham com uma cara de "nossa,essa aí não sabe de nada coitadinha"...Amo algumas cores,mas confesso que acho chique unha clara.Mas tb estou na fase maníaca por esmaltes.E não resisto a um Chanel.Posso dizer que brilho,textura e durabilidade são inigualáveis.Não pense no preço,eu sei que dói...Mas,mulheres de unhas Chanel,estão prontas para deslumbrar o mundo...Vc consegue resistir? Eu não...
Ps:Faltou a foto do Ming.No dia que coloquei esqueci de tirar .Ele é um salmão bem alaranjado.Lindinho,lindinho...

terça-feira, 21 de setembro de 2010

Mimo do Amor...








Seu Amor não cozinha???Ah,que peninha,o meu sim...rs

segunda-feira, 20 de setembro de 2010

Poesia minha...



Deixe que os laços se estreitem
Não tenha medo.
Deixe que enfeitem
O pé
O brinco
O cabelo.
Não tenha receio dos grandes
Dos que envolvem
Dos coloridos.
Deixe que enfeitem as dores
Que é pra agüentar.
E principalmente
Deixe que eles se dissolvam
Quando for a hora.
E apenas sirva pra eles de instrumento
Para que eles permaneçam assim
Bonitos e apertados.

domingo, 19 de setembro de 2010

É pra comer de verdade...






Uma das vantagens de estar de férias é poder ficar batendo pernas e descobrir por ai coisas magnificas e deliciosas no nosso bairro e que infelizmente o tempo corrido faz com que nem notemos.Ontem naquele sabadão gostosinho e fresquinho descobri uma lojinha de CUPCAKES no meu bairro.Fiquei igual a criança no parque de diversões.Claro que não resisti e além de já comer alguns por lá,trouxe esses para casa.São tão fofos que dá até pena de comer...Pena de comer ?? Bem,na verdade não muito...rs

sexta-feira, 17 de setembro de 2010

Quer um chazinho?





Tem gente que presta atenção na gente.Percebe,entende,é gentil e se preocupa com detalhes.Acho que quando alguém te da de presente algo que tem uma representação simbólica grande pra vc é por que essa pessoa enxerga seu coração.E hoje,as pessoas não estão muito preocupadas em perder tempo de enxergar o coração dos outros.Quando vão te presentear,querem se livrar dessa responsabilidade e não param pra encontrar algo poético e significativo.
Eu tenho uma mini coleção de canecas.E além disso tenho um ritual delicioso que cultivo com meu maridinho todas as noites que é tomar um chazinho antes de dormir para relaxar.Então ontem,ao chegar em casa(estava batendo pernas de férias,pra variar)encontro uma caixinha dos correios esperando por mim.Ela é da minha amiga Claudinha do Fufuquices.Meu sorrisão já não se contém.Abro e encontro essa duplinha fofa de canecas.Presente para tornar meus momentos mais coloridos e divertidos.Claudinha minha querida,vc sempre sabe tocar meu coração e faze-lo sorrir...Obrigada minha amiga.

quinta-feira, 16 de setembro de 2010

Amigas+beauty+muita comidinha+comprinhas...





Dias deliciosos tenho passado...Ontem foi mais um, muitooooo especial.Olha,divertido é ir ao salão com as amigas.Divertido é almoçar juntas e dividir a culpa pela quantidade de picanha e batata frita consumida.Divertido é fazer mil comprinhas irresistíveis,de makes caras e baratinhas. E divertido mais ainda é receber a maior força para levar 2 sapatos que nos derreteu o coração.Pois quer sofrimento maior que ter que optar entre dois sapatinhos que vc necessita pra viver?Fui na Emporium e impossível não querer levar TODAS as cores dessa sapatilha mega ultra confortável.Ir na Mac e não trazer mais um batom cor de boca?Impossível.Minhas amigas Leka e Xandra,são companhias deliciosas para um dia de beauty ,orgias gastronômicas e loucuras com o cartão de crédito.Diversão certa para um dia de férias.E no fim,estávamos rindo a toa,de cabelo lindo e vários sapatinhos novos...Vc não acha que, cabelo lindo e sapatos novos deveriam ser decreto mundial?rs

terça-feira, 14 de setembro de 2010

Amor.Amor.Amor...


Eu tinha planejado tudo.Fiz um delicioso almoço.A sobremesa ficou perfeita.Meu doce de chocolate com morangos de comer de joelhos.Os tomates recheados impecáveis,nenhum estourou.A batata com requeijão na medida certa e com o queijinho bem queimadinho.As folhas da salada crocantes e frescas.O arroz com castanhas,soltinho e saboroso.Fiz uma mesa linda e digna de revista de decoração. Então finalmente elas chegaram.Haveria inclusive mil fotos.Da mesa,dos pratos e tb nossas.Mas ai,como eu falei,elas chegaram.E ai tudo isso foi esquecido.Alguém lembrou da máquina com uma comida tão deliciosa? Alguém lembrou de milhares de fotos no meio de conversa tão gostosa?Impossível! E assim foi minha terça feira de férias.Com minhas duas grandes amigas Safira e Elen.Amigas eternas.Meu chão e minhas asas...E que deixam minha vida assim,colorida...

segunda-feira, 13 de setembro de 2010

Hoje tem rocambole...


Estou de mini férias.Se bem que acho besteira medir o tamanho das férias.Férias são férias e pronto!Esses dias estou cuidando de mim.Cuidando da minha casa de recém casada.Cuidando da minha saúde e da minha alimentação.Recebendo os amigos e ficando de muita preguiça.Também já estou batendo bastante pernas por ai.Cada lugarzinho que vou, tento achar algo que tenha sentido com meu atual momento.Esse momento tem sido de cores suaves,romances e muita,muita serenidade...Então passeando por ai,dou de cara com esse mimo de porcelana portuguesa pintada a mão.Como resistir? Pra que resistir?Então,sorrio e o levo pra mim.Meu rocambole de padaria hoje vai ficar mais gostoso...

quinta-feira, 9 de setembro de 2010

Precisa de um lencinho ?


Estou há dias com uma imensa alergia respiratória,o que fez dos lenços de papel meu atual acessório de sobrevivência.Então ontem,meio que sem respirar e de nariz vermelho dou de cara com esse mimo...E sorri ao achar engraçado como a poesia se instala assim na nossa vida,mesmo nas horas e nos objetos mais inesperados.Tive que traze-lo para morar comigo.E a felicidade foi tanta que a alergia já até tá passando...

terça-feira, 7 de setembro de 2010

Você acredita em fidelidade ?


Acho chique gente perfumada.
Gente que se perfuma se ama.
Gente que se perfuma vê o mundo diferente.
Gente que se perfuma percebe detalhes.
Gente que se perfuma vai fundo.
Gente que se perfuma dá ao mundo todos os dias um sorriso.
Gente que se perfuma conquista.
E é pra sempre inesquecível...

segunda-feira, 30 de agosto de 2010

Poesia minha...


O importante é que minta.
Minta que será sempre meu.
Minta que o amor vai durar.
Minta que serão sempre flores.
Minta que seremos só amores.
Minta que o batom é bonito.
Que a comida ficou boa.
Que as curvas sempre vão enlouquecê-lo.
Minta quando eu me sentir feia.
Me chame de boba.
Minta que a estrada será sempre livre.
Me dê seu colo.
Traga uma flor.
E um belo par de brincos.
Ou um perfume.
Mas continue mentindo amor.
Minta que será eterno.
Então eu acredito...

terça-feira, 17 de agosto de 2010

Seu momento...


O Amor.
Faz a gente querer olhar assim.
Com olhos de cuidado.
Olhos que capturam um momento único.
De paz.
De silêncio.
Olhos que ficam satisfeitos.

domingo, 15 de agosto de 2010

Onde se deseja chegar...


A idéia de que todo poeta é masoquista soa meio que verdadeira pra mim.Poeta só faz poesia linda quando esta afundado na dor.Felicidade é delicioso,mas soa totalmente piegas.Quer coisa mais chata que gente feliz?Eu ando feliz demais ultimamente.Tão feliz que nem eu mesma agüento.Pois sempre adorei um drama.Sempre adorei aquela coisa meio mexicana ,pois sou totalmente hipérbole!.Quando me permito ser menos critica,as poesias que mais adoro são as que escrevi nos meus momentos de dor de amor.Ando tão embriagada com meu momento de felicidade que só consigo desenhar borboletas coloridas por ai.E esses momentos não têm nada a ver com tudo absolutamente dando certo.Pelo contrário.Nada mudou muito.Acho que na verdade,o que anda mudando é minha maneira de enxergar a vida.E isso tem me feito um bem danado.Acho que estou perdendo o medo de fazer as coisas.Acho que estou no momento de verdadeira ação.Enquanto isso,as dores vão ficando pra trás...Mas não faz mau,todos os outros poetas estão ai pra isso.Pra nos lembrar de amores impossíveis e corações partidos.Eu nesse momento não estou podendo contribuir com esse tema.Meu amor finalmente se tornou possível.E meu coração anda muito,mas muito mesmo,inteiro...

terça-feira, 27 de julho de 2010

Poesia minha...


Sou feliz agora.
Tenho as feridas dos pés cicatrizadas.
Sinto os pingos de chuva.
E deixo ela me inundar.
Pois estou sem medo das tempestades.
Abrir o coração já não me é penoso.
Flutuo sobre as dores.
Minha felicidade agora é blindada.
A dor não a ultrapassa mais.
Meu coração tem portas de vai e vem.
E são coloridas.
Quem quer, fica.
Quem tem dúvida, volta.
Com a mesma facilidade.
E quem eu quero,permanece.
Seguro.
Confortável.
No colo.
E quem não quero.
Só vai lamentar.
Por não ver que agora
Estou inteira.
A felicidade finalmente me invadiu...

domingo, 25 de julho de 2010

Somando...


Sempre fugi das convenções. Tinha como lema que legal é remar contra a maré.Entendia que dessa maneira iria viver minha vida diferente da vida que é pré estabelecida pelas pessoas.Pulei várias convenções para me tornar diferente.E ainda bem ,fui feliz.Tive algumas batidas de cabeça,mas quem não teve?Afinal, estava vivendo a vida da maneira que sonhei pra mim. Ah, mas o amor, ele te pega. Você foge, você se esquiva ,você finge que não vê, mas não adianta. Ele quer viver da maneira que nasceu pra ser vivido. O amor quer fincar raízes, quer ter sobrenome. Quer dormir juntinho todo dia. Acreditei que conseguiria ter minha casa só pra mim. Meu banheiro soberano, com os inúmeros cremes, maquiagens e perfumes em cima de uma bancada, sem a preocupação de abrir espaço para um único creme de barbear. Os armários entupidos de roupas e sapatos que serão usados algum dia, tiveram que ganhar espaço para abrigar algumas belas e bem cortadas camisas masculinas. O medo é imenso.O desespero vem de vez em quando. Como ensinar a uma pessoa que viveu só, durante a vida, que ela agora precisa abrir espaço? E não se trata de abrir espaço apenas nos armários.Trata-se de abrir espaço em sua alma. Abrir espaço em sua solidão. E então, quando olho para o meu Amor, com seus olhos verdadeiros, com sua intenção genuína de felicidade, me lembro que já se passaram 10 anos. E dez anos já são mais que suficientes para se ter certeza.Tempo suficiente para saber que posso continuar a apostar nessa vida conjunta.Então, me rendi. E então a ficha finalmente caiu.Agora faço parte do time das mulheres oficialmente casadas...

terça-feira, 13 de julho de 2010

Presente de sábado...


A Dany foi me ver.E que coisa boa conhecê-la.Mais uma vez pude desfrutar da delicia que é perceber a intimidade com uma pessoa mesmo estando distante.Coisas que só um blog pode proporcionar.Mais uma vez a identificação foi instantânea.Incrível como sabemos tudoooo da vida de uma pessoa sem conhecê-la pessoalmente.E com a Dany foi assim.Tagarelamos,tagarelamos,tagarelamos.Falamos de viagens,comprinhas,resistir as "liquis" do shopping,makes e nossa paixão por Nova York.A Dany esta apenas emprestada em Sampa.Ela é carioquíssimaaaaaaa.Pequenina mas com um vozeirão que a faz parecer ter 1,80m.Linda,chique,fofaaa!Uma vez falei pra ela que ela era minha inspiração.Que apenas por causa dela eu não usava a mesma roupa todos os dias( jeans e camisa polo Lacoste).E ela me deixou orgulhosa ao falar que não podia deixar de conhecer a "poeta" Dri.Gentemmm que orgulho... A Dany foi me ver!E fez meu sabadão feliz...Coisa boa receber surpresas assim em pleno dia de trabalho.
Ps: só ficamos devendo uma fotinha...Nós duas sem máquina nesse dia.Eta blogueiras de meia tijela...rs.Resolvi então,por uma foto de Nova York,uma de nossas paixões em comum...

quarta-feira, 7 de julho de 2010

Transtornada,eu ? rs ...


Tem dias que a gente acorda e sabe que vai brilhar. Sabe que terá um bom dia simplesmente. Nesses dias a gente se olha no espelho e esta linda. Escolhe uma roupa basiquinha, mas mesmo assim se sente deslumbrante. Nesses dias nossas ações são compreendidas, nossa força interior esta a mil e principalmente nossa vontade de realização esta a todo vapor. Depois de alguns dias de TPM onde me transformo no ser mais carente e raivoso do planeta (desculpa Amorzão, brigadinha por aturar)finalmente acordo assim,leve,decidida,carinhosa e com total confiança em mim.Esses dias são gloriosos e me trazem uma fome de vida maravilhosa.Tenho vontade de abraçar o mundo.Nesses dias sinto que nada vai me deter.Acho que toda mulher é assim.Essa inconstância não é coisa masculina.É algo totalmente singular nosso.Então temos que aproveitar esses momentos para realmente tentar fazer as coisas que tanto desejamos.Pois somos regidas por nossos hormônios.Hoje sou invencível.A mais linda.A mais bela.A mais inteligente.É nesse espelho que desejo ver minha imagem.Detesto quando estou daquele outro jeito ( transtornada,rs).O que consola é saber que passa.Que voltamos ao normal ( ?rs).O que consola são amigas que entendem.O que consola é o Amor que atura.E assim,vamos vivendo.Um mês de cada vez...

terça-feira, 6 de julho de 2010

Por quê ?


Por quê?Por quê ? Por quê ?Essa palavrinha define tanta coisa.Ela devia ser mais pronunciada por nós.Hoje estamos num ritmo tão louco que não indagamos mais nada.Não questionamos mais nossas escolhas,não questionamos mais a quantidade de trabalho que temos,nem a atenção que desejamos das pessoas.Também não sabemos por que fazemos coisas que não nos deixam felizes.Minha Maria Eduarda fez 3 aninhos.No dia de sua festa estava bem sonolenta e não estava curtindo muito pois havia sido acordada por nós para que recebesse seus convidados.Houve um momento em que a festa estava "bombando" e ela sentou na soleira da porta e ficou na dela.Então eu disse: minha linda,vamos levantar daí e curtir sua festa com a Dinda.Eu espera tudo,esperava um não,esperava uma carinha fechada,qualquer coisas,mas ela apenas abriu os braços e me perguntou:por quê?Olha,esse serzinho de 3 anos já indagando os por quês da vida.Fiquei maravilhada com aquela atitude e feliz pois sei que ela já começou a indagar os por quês das coisas que deseja.E tentei me lembrar do momento em que parei de perguntar por quê.Descobri que não podemos permitir que o mundo nos engula dessa maneira.Precisamos ter coragem para enfrentar situações que nos desagradam.Empregos que não nos dão valor.Amores que não andam na mesma sintonia.Amizades que não torcem por nós.E principalmente precisamos ter coragem de responder aos nossos por quês.Sem medo.E descobrir a partir daí um mundo cheio de possibilidades.A Maria Eduarda com 3 aninhos já começou.Que tal seguir o exemplo dela?

quarta-feira, 30 de junho de 2010

Eu +Eu...


Sou sortuda por ter inúmeras lembranças deliciosas de todas as minhas férias.Com essa agora não foi diferente.Depois de um mês especial onde viajei,me diverti,fiquei com meus amigos,com minha família e com meu amor,pude tirar uns dias sozinha comigo.Algumas pessoas não gostam de ficar só.Eu não sou muito assim.Gosto mesmo de conviver comigo.Coisas que a maturidade trazem pra gente.Nesse tempo fiz coisas pra mim,coisas que gosto.Assisti a todos os filmes que queria.Passei o tempo todo relendo e vendo pela milésima vez a Saga Crepúsculo.Revi meus DVDs do Sex and the city,fui ao cinema ,andei por ai.Com aquela sensação de liberdade deliciosa.Sem hora pra nada.Livre ,livre, livre.Delicia.Tentando afastar a idéia de que meus dias de descanso estavam acabando.Esse mês foi especial em vários aspectos da minha vida.Tomei algumas decisões profissionais e principalmente uma enorme decisão pessoal.E estou me sentindo ótima.
Minhas férias iniciaram com Sex and the city no cinema.E fecharam com Eclipse.Duas coisas que não me canso .”Sex” me lembra a mulher que sou.E Crepúsculo, a adolescente que nunca deixarei de ser.Pode parecer besteira para muitos.Sou simplesmente apaixonada por essas duas historias .Alias,desconfio de quem não gosta dessas duas historias,rs.Na verdade,desconfio de quem não é fanático por alguma coisa.Gosto de gente apaixonada,meio febril sabe ?Hoje fui ao cinema ver Bela e Edward.Tentei me desprender do livro para poder curtir o filme.E só posso dizer que amei.E que domingo,vou novamente...rs

quarta-feira, 23 de junho de 2010

Lubrificando as dobradiças...


Estar recém apaixonado é algo realmente inigualável.Tem o frio na barriga.Tem o pensamento longe.Tem o mundo cor de rosa todos os dias.A gente não para de tagarelar,não para de se perfumar,conta tudo e pergunta tudo,escova os dentes toda hora e jamais,digo jamais usa uma calcinha cor da pele de algodão.Estar apaixonado é viver numa passarela,desfilando,entre rendas e fendas.Então,depois de um tempo,isso acaba.Mas há dois fins para esse momento.O fim,fim mesmo,the end,sefini,bye,beijo não me liga.E tem o melhor dos fins.Um fim que se transforma.A transição para algo mais claro,mais sereno.Pois paixão é confusão pura.Deliciosa.Mas,como música tecno,bate,bate,bate na cabeça e há uma hora que não agüentamos mais.Por que dói o peito.Então é delicioso quando não precisamos mais desfilar,quando não precisamos explicar tanto as coisas,quando podemos ficar em silêncio.Não há nada mais delicioso que não se constranger com o silêncio ao lado de alguém.Sabe a sensação de que a tranqüilidade enfim te encontrou?Sabe a sensação de ter portas rangendo e finalmente lubrificar as dobradiças?Amar alguém por muito tempo é assim.Feito de silêncios.Feito de calcinhas de algodão.É saber que o bem estar daquela pessoa esta acima de qualquer outra coisa.Amar alguém por muito tempo é certeza de longas conversas.De cama sem máscaras.De cama poderosa.Pois nada é mais poderoso que conhecer bem como funciona o corpo de alguém.É poder ser idiota.Ser palhaço.Poder mostrar inseguranças em alguns aspectos.Fazer parte do mesmo time.Rir muito.Rir,rir,e rir.De tudo.De nada...Por que o tempo faz isso.Acalma,fortalece.E precisamos estar atentos,para não valorizar o barulho,a confusão...

sexta-feira, 11 de junho de 2010

E o sorrisão não sai dos lábios...


Oi...risos
Comidinhas...risos
Coca ligth Plus...risos
Guaravita...risos
Mate limão...risos
Experimenta...risos
Tá linda!risos
Compro?risos
Claro! risos
Sente esse cheirinho...risos
Nossa,olha esse! risos
Preciso desse sapato pra sobreviver...risos
Olha esse óculos roxo!risos
Compra! risos
Olha essa make! risos
Meu cartão não passou...risos
Passa no meu...risos
Olha o vestido! Sonho...risos
Como cê ta amiga?risos
Já comprou o presente do dia dos namorados...risos
Olha essa lingerie...risos
Cê ta linda...risos
Amiga tá magra...risos
Eu engordei...risos
Não paro de comer...risos
Olha,a gente tá com cara de riconas!! risos
Assim foi meu dia inteiro...
Férias com amigas para bater pernas
Não tem preço...risos

domingo, 6 de junho de 2010

Visita da Mari...


Mais um personagem desse meu conto de fadas,se transformou em realidade.E quando a gente é gente grande percebe que a magia da realidade pode ser melhor que o mundo cor de rosa e fictício.Assim foi meu sábado.Meu sábado chuvoso,com dúvidas se mudava ou não a cor do esmalte Chanel VENDETTA para MADNESS.Que chato...rs.Um sábado de férias, mas que pelas coisas da vida, teve que ser de trabalho.Então agradeci a Deus por ter me colocado exatamente no lugar que estava naquele dia.Sem isso não poderia ter encontrado a Mari.Gentemmm,a Mari é de carne e osso.E como é linda! E como é fofa.Com aquele sotaque paulista que tanto amo.Nem sei precisar quanto tempo ficamos tagarelando.Olha,quem tem um blog,já falei,tem amigos novos, quase de infância.Quando vi a Mari entrar pela porta da Locc,dei um grito,um grito total de pura felicidade.Tagarelamos,tagarelamos,tagarelamos e ficamos envoltas naquela áurea deliciosa que sentimos quando encontramos um amiga querida de tantos anos.E como se tem assunto:Onde vc foi?O que comeu ? O que comprou?Quando volta ?Quem encontrou?Precisa ir em lugar tal.Troco ou não o esmalte ? Troca não!Que shampoo vc comprou?? Ai,fiz progressiva hoje.Tá estranho? Ta não,Ta lindo!!!Pega a máquina!
No fim do dia,resolvi optar pelo Madness,sentei na Starbucks e tomei meu delicioso chocolate quente com muffim de banana e gotinhas de chocolate,com um sorriso que não saia dos lábios.Não estava mais chateada de estar trabalhando nas férias.E pensei que realmente amo ter um blog.Só ele me permite viver um momento assim...

segunda-feira, 31 de maio de 2010

Poesia minha...


Pra você sou assim descomplicada
Leve,desnaturada.
Livre,de andar descalso.
De coração em cirandas de roda.
De idéias loucas e libidinosas.
Desfilando por diversão.
Pra você sou assim absoluta.
Sem meio termo.
Extrema.
E de sorrisos em dias de chuva.
Pra você sou assim braços abertos.
Roupa do corpo.
Preces.
E gozos.
De dúvidas escondidas.
De certezas escancaradas.
Sou parque de diversão.
Algodão doce pra lambuzar.
Pra você não há nebulosidades
Somente dias de sol...

quinta-feira, 20 de maio de 2010

Pisando com cuidado...



De que maneira você deseja que o mundo lide com a sua dor?Sabe,apesar do grande tato que tenho em relação aos sentimentos dos outros,tenho uma grande dificuldade em me posicionar num momento de muita dor que alguém esteja vivendo.E isso as vezes pode ser confundido com falta de sensibilidade.Eu,que claramente sou durona,daquelas que aprendeu a engolir o choro e que viram a página com facilidade,acabo metendo os pés pelas mãos num momento assim.E como me arrependo depois!Sou de dar conselhos muito severos,pois a vida pra mim é muito simples e descomplicada,então fico meio impaciente quando as pessoas não conseguem lidar com seus problemas,quando não veem soluções que ao meu ver parecem tão obvias.Só que isso é muito cruel.E sei que tenho que ter cuidado com o coração dos outros.Sei que preciso conter a minha visão simplificada da vida.Preciso entender que tem gente que lida com as dores diferente,que quer colo,que quer falar,que precisa se expor pra melhorar.Esse é seu remédio.Eu não gosto de me expor,não gosto de falar e nessas horas não quero colo.Quero apenas virar a página.Mas agora,uma grande lição que aprendi,será ficar de boca calada.Apoiar,dar colo e apenas ouvir.Não vou mais impor minhas soluções simplistas.Viu?A gente aprende muito quando sabe que magoou uma pessoa muito especial...

terça-feira, 18 de maio de 2010

Tempo fechado para manipuladores...


Qualquer pessoa pode tentar me contar uma mentira ou tentar me manipular.Mas aviso que isso só irá durar 5 minutos.No sexto minuto já acordei...É que sou atenta demais.Me apego nos detalhes...Coisa que certos mentirosos não dão muita importância...

quinta-feira, 13 de maio de 2010

Poesia minha...


Sou daquelas que acreditam.
Daquelas que escolhem o momento certo.
Daquelas que vão tecendo com carinho.
Lentamente.
Com cuidado.
Sem pressa.
Entrelaçando as cores corretas.
Daquelas que respeitam o ponteiro lento.
Daquelas que não vão contra a maré.
Nem contra a direção dos ventos.
Sou daquelas que aprendeu a usar o tempo.
A se fazer presente na ausência.
Mas não confunda essa prudencia.
Não a confunda com calmaria.
Sou daquelas que abraçam o mundo.
Apertado.
E o faço colorido.
Pra você nunca mais querer ir embora.

quinta-feira, 6 de maio de 2010

Ordem do dia...



BRILHA!!!
Foi a ordem que recebi hoje.
Já estou obedecendo!
Por que o mundo é pouco pra mim...
E,somente o universo é o meu limite!

terça-feira, 4 de maio de 2010

O presente da Lu pra mim...


Delicia voltar a ser criança.Num desses dias foi o niver da minha amiga Lú.Ela fez 40tinha...Ai Lu,desculpa falar assim tão alto!!Mas a Lu merece vozes altas mesmo!Merece grandes mimos.A Lu esta esperando o Arthur.Isso,o Arthur vai chegar e a Lu será uma mamãe de 40.A Lú já tem o João Pedro e depois de 7 anos o Arthur resolveu chegar.Susto?Talvez um pouco.Felicidade? Muitaaaaaaaaa,total!
Nesse dia,do niver,fiquei olhando pra minha vida.Pra minha sensação de ver o tempo passar.Vi que é besteira ter medo.Vi que ainda é tempo de realizar as coisas que desejo.As vezes me sinto "veinhaaaaaaaa" e nesse dia vendo o sorriso radiante da minha amiga vi o quanto sou boba.Percebi que sempre há tempo para realizar grandes feitos na vida.E o mais importante é saber que tudo acontece na mais perfeita hora.Sem pressa...Sou criança ainda...Uma mocinha.Uma mocinha de apenas 35...
Beijo amiga!
Obrigada por esse dia!
Obrigada por me fazer perceber que meus medos são infundados.

sábado, 24 de abril de 2010

Zelo...


Gosto de gente gentil.
E gosto de gente zelosa.
Gente que retribuí.
Mas que faça isso de bom coração.
Gente que deseja bom dia.
Que diz que ama.
Menos que isso,fico muito chateada...

domingo, 18 de abril de 2010

Um domingo pra ser perfeito,só precisa de um beijo...



-Dinda,vc trouxe a sua maquiagem?
-Trouxe...Mas vc sabe que o médico não deixa usar...
-Dinda,ele não deixa usar a minha.Mas a sua pode...

Conto de fadas...


Por que esta sendo mais gostoso agora que estamos crescidas? Por que a sensação é mais gostosa que a de quando tínhamos 15 anos?Como pessoas que nunca se viram conseguem de uma hora pra outra ter tanta afinidade?Passamos um tempo da nossa vida exercendo apenas nossa jornada quádrupla(mulher,profissional,mãe,amante)e então,um lado nosso ficou meio adormecido,afinal toda essa responsabilidade tirava de nós o tempo que tínhamos pra nós mesmas.O tempo que tínhamos para não querer crescer.O tempo que tínhamos para apenas sentar e fazer só o que nos dava prazer.Sem pressão.E Sonhar.Sonhar que tudo é perfeito e glamoroso.Na verdade,o que estava esquecido era nosso lado menina.Nosso lado Cinderela que ainda espera que a vida seja um conto de fadas.Com cores bonitas,vestidos maravilhosos e claro,um príncipe encantado.Como é divertido ser menina novamente.Como é bom poder ver coisas bonitas,ter ideias,compartilhar estado de espírito e desejos.Como é gostoso vibrar com a cor nova do esmalte de $1,99 que a amiga comprou.Como é delicioso perguntar de onde é tal bolsa ou se tal batom realmente vale a pena o investimento.E como é bom falar com as amigas.Como é bom ser menina.Sem medo,sem vontade de crescer,sem querer ter responsabilidade.E principalmente saber que nossos sentimentos são parecidos.Que temos TPM,que ficamos tristonhas,assim meio que sem motivo e que desejamos mais sapatos que o nosso orçamento pode suportar.
Ter um blog é ter frescor.Quem tem um blog é sem dúvida uma pessoa“do bem”.Quem tem um blog escolheu ter um tempo pra si mesma.Quem tem um blog com certeza é uma pessoa com um coração alegre e generoso.E por fim,quem tem um blog tem amigos maravilhosos,novos,mas quase de infância...
Nesse fim de semana tive oportunidade de conhecer algumas pessoas reais.Conheci a Liana, a Aline e depois a Verônica.Com a Vê,pude ter mais uma amiga : a pequena Alice.Obrigada meninas.Vcs tornaram meu dia um conto de fadas.

sexta-feira, 16 de abril de 2010

O presente...


Nos meus 35 ganhei vários presentes.Milhões.Verdade.Mas não gosto mais de comemorar aniversários.E sei dos meus “por quês”.São meus.Minhas neuroses.Assim como não daria uma festa nunca.Sei do amor dos meus amigos,mas temo que no dia da minha festa aconteça algo e ninguém talvez apareça.Coisas que só trabalhando na terapia.Coisa de doido.Sem cura.Acabo fugindo pro mato.Pra um lugar que nem pega o celular.E depois fico toda feliz pois meus amigos brigam comigo por eu ter sumido.Sei lá,outra coisa doida,sem cura.E assim,vou me sentindo amada.Mas depois quando eu chego da reclusão,tem a festa nas famílias,sim,sou felizarda,tenho famílias.Tem a festa no trabalho( tanto carinho,de verdade).E a sensação de amor invade meu peito.Sou amada.Sou querida.Nesses 35, minha lista de ligações cresceu.Com ela,claro,cresceu a lista de presentes que ganhei.E todos foram inegavelmente maravilhosos.Todos.Todos foram a minha carinha...Mas teve um que sem dúvida foi o mais especial.Me perdoem os outros.Mas o presente da Claudinha perpetua o que desejo pra minha vida : simplicidade.Essas três galinhas moram agora em minha cozinha pra lembrar sempre de 3 amigas que estarão sempre juntas.

terça-feira, 13 de abril de 2010

Bonita na fotooo...


Caiu?
Borrou o batom?
A bainha desfez?
O salto quebrou?
Ria,então ria da vida
Que ela é linda!
E quem não atola o pé uma vez ou outra
Não sabe o que é viver!
Eu atolei o meu.
E justo no dia dos meus 35.
Com pétalas de flores ao caminho
Mas atolei poderosa...
Com classe.Rosa...
E ainda saí bonita na foto!
A vida é assim mesmo,maravilhosaaaaaaaaaaa!

quarta-feira, 7 de abril de 2010

Vitória de amor...


Eu divido meus melhores momentos em quesitos.Tem as melhores realizações profissionais.Tem minhas conquistas pessoais.Que dizem respeito somente a mim.Minhas superações,minha luta para ser uma pessoa melhor,para driblar minhas incertezas e inconstâncias.E tem meus melhores momentos de amor.Meu melhor momento de amor foi sem dúvida há 9 anos.Quando encontrei e conheci Ricardo Dias.No começo ele foi relutante,não cedia.Não percebia que nasceu para estar ao meu lado.E foi doloroso.Até que por fim seu coração se abriu pra mim.Fui perseverante.Confiei.Acreditei que estava diante do que eu queria pra minha vida.E lutei.Essa luta não teve um final,não foi uma vitória encerrada e ponto.Ela é minha vitória constante.Minha maior vitória pessoal.Minha vitória de AMOR.E toda bela vitória precisa ser cuidada.Eu tinha medo de não conseguir ser vitoriosa nesse quesito.Todo mundo tem né ?
Essa estória talvez seja como qualquer estória de amor.Ela é delicada.Tem momentos difíceis,tem incertezas,tem magoas,tem erros e momentos de descrença.Mas essa estória tem a maior das forças que existem nesse mundo:a escolha.Eu escolho todos os dias estar ao seu lado.Ele escolhe todos os dias estar ao meu.E isso basta.O resto a gente resolve.Afinal estamos falando de Ricardo Dias + Adriana Polo.Feliz niver meu amor.Hoje dia 07 é seu dia.Tudo e qualquer coisa boa no mundo será sempre pra vc.

terça-feira, 6 de abril de 2010

Poesia minha...


Me isente da culpa de não confiar.
Quem me moldou assim foi a vida.
Quem me fez assim foi você.
E o que restou foi essa aqui.
Gritando,se rebelando.
Chutando forte.
Frágil,com medo,querendo amor.
Essa que você não quis como sua.
Essa que te viu chorar por outros lábios.
Essa que te viu cobiçar outras bocas.
Me isente da culpa de não confiar.
A dor me dilacerou por inteira
E nada consegue colar.
Nada consegue juntar.
Quando um coração foi retalhado.
Me isente da culpa de não confiar.
A dor me paralisou.
A dor não deixa que entre.
Esse seu dito amor...