segunda-feira, 31 de agosto de 2009

Ligue 911 para emergências...



Sim, você sabe do que estou falando.Ele é sua alma gêmea.Vocês passam horas conversando ao telefone.Você conta os minutos para chegar a hora em que ele enfim,irá te ligar.E então acontecem aquelas conversas maravilhosas,de iluminar seu dia.Quando se encontram então, é delicioso,as 3 horas se passam e vocês nem percebem.E quando vão pra cama? Nossa,esse sem dúvida é o melhor momento de todos,a sintonia é espetacular.Quando não se falam o humor fica lá no pé...Ele te liga em todos os momentos difíceis da vida dele dizendo que precisa de sua opinião,seu conforto, seu colo.Sua opinião para ele sobre tudo é realmente importante e ele a faz sentir a mulher mais especial por isso.E você acha que ele é o único que a entende.O único que a conhece de verdade.Só para ele conta suas fraquezas.Tudo é perfeito,seu cheiro,seu jeito de rir,o gênio meio turrão que você até acha charmoso,as afinidades pelos mesmos filmes,o deleite pelas mesmas músicas e o compartilhar de criança pelos deliciosos doces de chocolate.Mas você vive de peito apertado, sofre porque acredita que o destino é o responsável por vocês não conseguirem ficar juntos.E vive com a crença de que os amores impraticáveis é que são os mais fortes e belos, e sabe,acredita de verdade que há uma estrada florida a esperar por vocês dois...Menina,acorda! Você esta sendo apenas o número de emergência desse homem ! Se é tão maravilhosa assim,se há essa sintonia espetacular,se o sexo é divino,por que não estão juntos ?Por que não diz que você é o seu amor ?Não caia nessa conversa.Temos a tendência de tampar o sol com a peneira.E com isso,acabamos perdendo tempo achando que o amor é assim...Acredite,não é...Homens assim,são verdadeiros polvos,com seus tentáculos imensos paralisando cada ação sua para uma vida onde caiba um amor verdadeiro...O que eles fazem é viver suas vidas paralelas posando de coitadinhos e sofredores e nós bobas caímos nessa,achando que ele só não esta conosco por que não pode.Mas, a verdade é só uma : ele não esta com você, por que não quer baby...Apenas isso...Então deixe de ser boba e simplesmente desligue seu telefone...Não é fácil.Eu sei.Mas você precisa conseguir.Desligue-se desse “suposto amor” que você acha essencial e vicioso.E só assim dará espaço para que alguém realmente legal encante o seu coração.

sexta-feira, 28 de agosto de 2009

Atrasada.Muito atrasada...


Depois que passei dos 30 tenho a sensação de viver como o coelho de Alice no país das maravilhas:sempre atrasada..E parece tão desigual essa luta que as vezes acho que não vou sair vitoriosa.O tempo passa a ser seu mais desumano indagador.O tempo quer todas as respostas e não aceita desvio,não aceita apenas seu olhar,seu risinho de sarcasmo,que mostra que não vai responder aquela pergunta...Ele quer ouvir sua voz.Quer você se movimentando.Ele pergunta cruelmente e sem cerimônias.Igual aquelas tias sem tato que insistem em nos fazer perguntas indiscretas.E isso machuca muito. Nos dá a sensação de que estamos vendo o show da vida passar e esquecemos de comprar o ingresso para o espetáculo.Na verdade não esquecemos,eles se esgotaram para as primeiras 5 pessoas da fila..E de quem é a culpa ? É seu amor que ainda não quer casar ? É a sua carreira que ainda adia o seu sonho de ser mãe? É a gripe suína que te impede de ir para a Argentina ? É a geladeira que insiste em abrigar coisas nada saudáveis? É o mercado que anda recessivo para você abrir seu próprio negócio? O que posso dizer é que você não precisa responder á essas indagações se não quiser.Mas se elas realmente estão te incomodando,esta na hora de enfrentar.E saiba que ainda da tempo.Abra seu negócio.Emagreça para caber no vestido de noiva.Case.Vá para a Argentina em lua de mel.Talvez você até volte grávida de lá ...E seja feliz...

quinta-feira, 27 de agosto de 2009

Sintonia...



Será que é verdade que os opostos se atraem? Ainda vejo gente insistindo nessa máxima e não entendo como pode dar certo essa história de que não precisa haver afinidade para que estejamos ao lado de uma pessoa.Pessoas são diferentes.Isso é fato.Não estou falando disso.Mas sim, de falta de sintonia.Ceder ? Claro,ceder todo mundo cede em uma relação,o mundo não é do jeitinho que queremos.Mas estou falando de água e azeite.Contra essa lei não adianta discutir: eles não se misturam. E como será que é passar a vida ao lado de uma pessoa que não temos a mínima afinidade?Sei de muitos casais assim e não consigo definir se merecem meus aplausos ou meus pêsames,pois dever ser extremamente cansativo ter que convencer de algo o tempo inteiro.A impressão que tenho é que essas pessoas estão esperando de verdade mudar o parceiro.E sabemos que isso é impossível...Há quem diga que é um tédio estar ao lado de alguém “igual”.Eu sinceramente só posso achar isso loucura.Ter afinidades não significa que o tédio ira se instalar .Ter afinidades é a garantia de que o caminho que escolhemos é o mais prazeroso e principalmente mostra o quanto estamos maduros e temos uma imagem clara de quem somos...Olhar nos olhos de uma pessoa e nos enxergarmos ao menos um pouquinho.Chega de confusão...Ou talvez eu esteja doida e seja realmente possível estar com alguém totalmente diferente.Talvez seja isso o Amor.Não sei...rs

quarta-feira, 26 de agosto de 2009

Gangorras encantadas...


Eu cresci num bairro sem pracinha.E não há coisa pior para uma criança.Então aos domingos depois de contar nos dedos os seis dias da semana,ia dormir sabendo que minha mãe me levaria para brincar numa pracinha que existia em outro bairro.Esse dia era o mais sagrado que existia pra mim.Devia ter uns 6 ou 7 anos,arrumava meus brinquedos na bolsinha e esperava ansiosa a manhã seguinte,lutando para que meus olhos não se fechassem no sono,pois queria ver esse dia encantado chegar.Quando acordava era uma euforia total,já saia da cama,tomava banho,colocava roupa,penteava os cabelos e tomava café numa rapidez que tentava ser conseguida pela minha mãe a semana inteira ..Era domingo e o dia da diversão garantida havia chegado! Tinha um verdadeiro fascínio por aquela programa na pracinha do horto em Niterói,cidade onde nasci.Esse lugar também tinha um mini Zoo com animais de pequeno porte que me deixavam fascinadas a cada visita.E a pipoca ? Quem resistia aquele cheirinho que se espalhava pelo ar.Tinha as bolas coloridas,os chicletes ,os pirulitos e a boneca nova que levaria pra casa como prova de que aquele dia não foi um sonho.Havia lá meu brinquedo predileto:a gangorra.Era fascinada pelas gangorras.Ali, acho que inconscientemente já tinha certeza dos altos e baixos da vida,por isso tamanho fascínio.Esses dias até hoje não saem da minha lembrança e perpetuam o meu fascínio pelas praças,com suas risadas de criança,a pipoca,os idosos jogando baralho,as famílias juntas.Mas quando vejo uma pracinha cheia de crianças,o que mais me encanta é o olhar de proteção das mães...Um olhar que assegura que nada de mau vai nos acontecer...
Ps: essas meninas lindas são a Manu e a Sofia,tesouros da minha amiga Krys.

terça-feira, 25 de agosto de 2009

Poesia minha...



Eu não quero falar de piscina
Nem de sabonete
Tão pouco do fato de ser Dinda
E da maravilha de ser pai.
Não quero falar de agulhas de infertilidade
Ou de amores fracassados
Não quero falar de falta de pagamento
Ou excesso de luxúrias.
Quero falar de seu sorriso
Sua língua em mim
A maneira como me aperta
E o arrepio que não é de frio
Quero falar de um futuro juntos
De beijos eternos que pausam
Somente para eu respirar
Da saudade que anda matando
Do dia que parece arrastar
E do tempo que corre depressa.
Quero falar da falta que você faz
E da dor que insiste em não passar...

sexta-feira, 21 de agosto de 2009

Libertação...



O coração fica mais leve.A cabeça fresquinha,os pés parecem que criaram asas.E finalmente conseguimos nos libertar. Dizer não.Então finda-se a era em que você deixava alguém lhe manter refém e prisioneiro de seu pouco afeto,seu pouco querer,sua pouca atenção e seu pouco amor...A melhor sensação do mundo é quando conseguimos negar aquilo que não nos faz bem.Nos desprendendo de conceitos e algemas que algumas pessoas nos colocam.São prisões covardes,pois nos deixam assim,pequenininhas.Tem pessoas que tem um poder devastador de nos aprisionar.Se fingem de amigos.Se fingem de amores.E nos deixam dependentes de suas opiniões,seus conceitos e seus olhares de desdém.Buscamos sua aprovação,seu bom dia,suas ligações,suas visitas e seu "sim" apenas com a cabeça.Pois eles não sabem falar "sim" com o coração.São feiticeiros que parecem encantados,mas que quando desmascarados mostram sua face de carência,sua baixo estima,seu coração infeliz...Essa pessoas são invejosas.Verdadeiros vampiros emocionais.Sugam você e o tornam escravo de suas vontades.E falam mansinho,contam suas vitórias e nunca dão espaço para que você sobressaia.Então atenção,não se deixe enganar,diga não,recuse,desvie,finja que não entendeu.A sua liberdade não precisa ser anunciada.Seu coração já esta livre,tranqüilo.Suas correntes já foram quebradas.Então apenas sorria...E será um sorriso revelador.De liberdade.E esse será de agora em diante,o seu legado...

quinta-feira, 20 de agosto de 2009

Demais pra minha cabeça se vc não tem :


*Senso de humor
*Amigos
*Um trabalho que ame
*Um números de emergências ( afetivas,sexuais,qualquer uma)
*Um cabeleireiro que te deixe linda e que domine a fabulosa arte das cores e texturas
*Fio dental na bolsa
*Sua música predileta de dor de cotovelo
*Sua receita especial que todo mundo come de joelhos
*Um gerente de banco que te salve dos apuros
*Semancol ao se vestir
*Um batom com a cor perfeita para seus lábios
*Livros de poesia
*Adoração por Sex and the city
*Seu perfume inesquecível
*Um produto da Loccitane
* Amigas pra fofocar.
*Filtro solar
*Amigas blogueiras lindas como as minhas
* Essa página do blog como favorita
*O número do George Clooney ( eu tenho,mas sou quase casadinha e não posso ligar...(kkk)

quarta-feira, 19 de agosto de 2009

Hoje o Kool and the Gang fala por mim...


“ Aprecie o amor que nós temos
Nós deveríamos apreciar a vida que nós vivemos
Aprecie o amor, aprecie a vida, aprecie o amor
Enquanto vivermos
Aprecie o amor, aprecie a vida, aprecie o amor
O mundo sempre muda, nada continua igual
Mas amor resiste ao tempo
A próxima vida que nós vivemos continua sendo vista
Você estará ao meu lado...”

terça-feira, 18 de agosto de 2009

Terça com gostinho de domingo...




Já que falei o quanto ficava com o peito apertado todo domingo a noite por saber que teria que correr para a semana não me engolir,meu Amor e eu resolvemos transformar essa terça feira tão comum num belo dia de domingo! Tiramos uma folga,desligamos os celulares e caímos no relax total! Passamos o dia inteiro no Le Spa do hotel Santa Teresa .E vocês não imaginam que delícia foi esse dia! Fizemos esfoliação corporal,banho de ofurô com pétalas de rosas e uma massagem maravilhosa.Daquelas que te dão energia para meio ano! Depois almoçamos no Terezê,que é o restaurante do hotel e ficamos curtindo aquele clima delicioso de Sta Teresa.Bebericando e rindo...Lembra que eu falei que passaria a conhecer mais lugares nessa cidade que amo? Pois é.Esse é muito especial e romântico.Recomendo a quem esta querendo passar um dia inesquecível ao lado de quem se ama e estreitar cada vez mais os laços.Esses momentos de “break” fazem muito bem para uma relação. Esse dia me fez perceber o quanto sou privilegiada por poder viver um momento assim,e principalmente dividi-lo com meu grande Amor.Me faz perceber que estou reclamona demais e com uma ânsia muito grande de fazer as coisas acontecerem tão rapidamente.E isso é negativo por que não me faz apreciar a paisagem do meio do caminho.Fico querendo só chegar ao final. Esse dia teve gosto de domingo e sem a sensação ruim de que amanhã é segunda feira...

segunda-feira, 17 de agosto de 2009

Corraaaa...Não deixe a semana te engolir...


Domingo a noite vai me dando um apertinho no coração.Depois de passar o dia inteirinho me divertindo,vai chegando a constatação de que tenho que voltar para a vida real.Nessa hora,vou entrando no eixo e começo a organizar as coisas para uma próxima semana.Sempre resolvo dar uma mexidinha nos armários,jogar os papéis acumulados sem necessidade fora,separar a roupa pra lavar,organizar os jornais a irem pro lixo.Enfim,coloco tudo em seu lugar.E quando resolvo arrumar de “verdade”todos os papéis,vai surgindo também a necessidade de realmente organizar o meu mundinho,reorganizar meus hábitos ruins e minha idéias.Ai vai me dando uma força louca,uma certeza que irei finalmente começar uma semana mais equilibrada : me alimentar direito,dormir mais cedo e não acordar tarde,fazer exercícios,ligar para algumas pessoas que não falo há um tempinho, namorar mais o meu amor,ter mais energia no trabalho,equilibrar o cartão de crédito...Durmo com a sensação de ter traçado um plano infalível!Aí chega a segunda...A terça,a quarta,a quinta,a sexta, o sábado...E os dias me engolem.Poucas coisas da lista conseguem ser colocadas em prática...E apesar de saber todos os por quês, a gente continua se auto sabotando.Esta na hora de tomar jeito...Ainda bem que tem outro domingo para começar a escrever uma nova lista.Ela ta pra lá de manjada.Já fica impressa na cabeça,não precisa nem de papel.Domingos são assim,esperançosos,realizadores,com sabor de bala,com olhar de criança...E principalmente, com sabor de planejamento para novos começos...Mesmo quando a realidade da segunda me choca...

sexta-feira, 14 de agosto de 2009

Qual a sua fé ?


Você tem fé ? Não estou falando de religião.Estou falando daquela coisas maravilhosa que é ter convicção que somos destinados a ter bons acontecimentos na vida.Todos testam sua fé apenas nos momentos de dificuldade.Aprendi a ter fé nos momentos felizes.É maravilhoso acreditar neles.Acreditar que são eles que nos fortalecem e não as tristezas.Por que temos que nos fortalecer com as tristezas ? Prefiro ficar mais forte com o sorriso da minha afilhada ,com o bom dia dengoso do meu amor,com o abraço gostoso dos meus pais,com a ligação rapidinha dos meus amigos,com as realizações do dia a dia no meu trabalho e com o dia novo que chega todas as manhãs para mim...E quando a tristeza vier,não quero me fortalecer com ela.Quero que ela passe logo e perceba que sou frágil demais para sofrimentos...Para não se animar em ficar...

quinta-feira, 13 de agosto de 2009

Solte as algemas...


Tem coisa pior que homem” babaquinha”? Você sabe que tipo de homem é esse!São os inteiramente inseguros e narcisistas.Eles são ciumentos,tratam a mulher de acordo com seu humor.Se ela faz algo legal,acham que não passa de sua obrigação.Nunca reconhecem os acertos.E até os desdenham..E quando elas o desagradam(?) em algo,que claro,esta ligado as suas neuroses absurdas,eles simplesmente a riscam de seu convívio.E eles são sádicos.Adoram tratar a mulher friamente na frente de todo mundo.Corrigi-las até.Esses caras acham que tem que ser o centro das coisas.Somente suas vontades de neném neurótico é que devem prevalecer.Você não pode ter amigos,não pode falar e nem se vestir do jeito que eles não gostam.Fazer sucesso com as pessoas e na carreira é inadmissível!Eles encaram isso como uma afronta pessoal. Ele não suporta que alguém brilhe mais que ele.É uma pessoa totalmente egoísta e cheia de complexos...E o pior é que há mulheres que aturam esse tipo de homem.Por que será ? Só Freud explica ! Isso me faz pensar em algo que aprendi e uso como lema para a minha vida : só fazem com a gente o que a gente deixa...Então,liberte-se mulher!

quarta-feira, 12 de agosto de 2009

Hoje a Corinne fala por mim...


"Talvez algumas vezes
Cometemos erros, mas tudo bem
Quanto mais as coisas parecem mudar
Mais elas continuam as mesmas
Oh, não hesite..."

terça-feira, 11 de agosto de 2009

Banho gostoso...


Como é bom cuidar de quem a gente ama...Sempre vi minha mãe cuidar do banho do meu pai :colocava a roupa limpa e cheirosa,as toalhas e os chinelos.Eu, no auge do feminismo olhava aquele ritual de maneira abismada. Ainda não entendia que não era um sacrifício para ela,mesmo depois de um dia muito atribulado cuidando da casa e das crianças. Hoje,depois que passei desse período idiota de “queimar sutiãs”,entendo o significado de todo esse zelo.E me tornei exatamente essa mulher : a que cuida do banho do Amor. É um prazer fazer esse ritual e demonstrar todo o meu carinho a quem amo.O dia a dia é uma loucura,sempre corrido e se não tomarmos cuidado,deixamos as pequenas demonstrações de afeto sumirem.Ainda mais em relações longas.Então lute o tempo todo para não deixar a correria te deixar desatento. Claro que ter um parceiro nessa sintonia ajuda muito.E tenho sorte.Amar requer ação.Requer cuidado.Requer atenção paras as pequenas necessidades do outro.E requer muita sensibilidade.Não deixe a sensibilidade faltar em sua relação.É um exercício difícil eu sei.Então hoje,prepare o banho do seu Amor. E você verá que o sorriso de surpresa nos lábios dele será a sua recompensa.E isso não tem preço...

segunda-feira, 10 de agosto de 2009

É logo ali uai...


Sou uma carioca apaixonada por Minas Gerais.Esse lugar pra mim é simplesmente uma segunda casa.Na verdade,as pessoas de Minas te fazem se sentir em casa .Eta gente carinhosa e hospitaleira!E como cozinham bem!Parece que os anjos tocam suas mãos e transformam a comida num néctar de deuses.O mineiro tem um carinho,um encanto que te seduz completamente.O melhor de Minas é que as pessoas se encontram de verdade.Sempre há ,na casa de alguém,um motivo para uma reunião em volta da mesa. E essas pessoas te fazem se sentir querida,te inserem nas conversas,te deixam uma sensação de fazer parte daquele mundo encantado.E contam “causos”,histórias tão gostosas e engraçadas que te deixam com dor na barriga de tanto rir.E é um riso gaiato,gostoso,de criança.Tive o privilégio de fazer grandes amigos lá.Além dos que fui para visitar.Sem contar que em Minas,tem o queijinho, a couve,a goiabada,o doce de leite.A comida muitas vezes colhida na própria horta.E Minas,tem o coração do mineiro.Um coração tão grande,que faz com que a gente queira mudar pra lá,mesmo não tendo praia...

sexta-feira, 7 de agosto de 2009

Feliz dia dos pais...




Em nossas conversas,meu pai as vezes insiste em falar que errou comigo ao ter sido muito rigoroso.Era daquele pai que não deixava namorar,sair com as amigas tinha hora marcada para voltar.Marcava duro mesmo!Ele ainda lamenta e por mais que eu diga que foi essa rigidez que me transformou na mulher que sou hoje,ele não acredita.Coisa de pai,que agora que virou avô da minha pequena sobrinha Maria Eduarda amoleceu totalmente.Na infância meu pai trabalhava muito,viajava sempre e no pouco tempo que ficava comigo,tentava ser o melhor pai do mundo.Ele me ensinou a ler antes de eu ir para o colégio,deixava eu tomar todos os picolés existentes no mundo,para desespero de minha mãe.Todos os domingos pela manhã,tínhamos o habito de ir a padaria comprar pão para o café e sempre no caminho eu ia procurando moedinhas no chão.Era uma festa quando achava uma!E meu pai se divertia demais com aquela cena. Quando ele voltava antes do dia programado das viagens ,eu ficava tão eufórica que nem dormia.Na adolescência ,me transformei num monstro que o odiava .Queria apagar essa época...Adolescentes conseguem ser extremamente cruéis.E fiz muito meu pai sofrer por querer sempre ser “do contra”.Finalmente cresci,e criei asas.Fui morar só e isso salvou minha relação com meu pai.Hoje,não brigamos mais.Somos dois bicudos que agora se beijam.Aprendi a ver que todo aquele rigor era amor.Era puro zelo.Proteção total.Sou uma mulher de 34 anos com um pai de 58 que ainda acha que sou criança.E isso é maravilhoso : ser criança aos olhos de alguém.Amo meu pai de todo coração.E agradeço muito a Deus por ele estar ao meu lado...

quinta-feira, 6 de agosto de 2009

Parabéns...


Hoje o blog faz aniversário.Um mês!No começo vem uma insegurança.E se ninguém gostar?E se ninguém ler ? E se as inspirações não pintarem ? Bem,todos esses medos ainda não passaram.Eles continuam presentes .Mas acho que isso é ter coragem.Coragem é fazer as coisas mesmo com medo.Hoje,cada coisa que me acontece,cada lugar que passo,cada pessoa que encontro é uma fonte de inspiração.Estou olhando o mundo diferente,com mais poesia do que eu enxergava. Todos os dias,penso em algo delicado para escrever.Algo que vá fazer ao menos uma pessoa se identificar.E isso tem sido renovador pra mim.Tenho encontrado tanta gentileza,tanto carinho,tanta força.Estou fazendo tantos amigos,conhecendo tantas idéias,rindo gostoso de tantas histórias...E só tenho que agradecer...Obrigada pelo carinho.

quarta-feira, 5 de agosto de 2009

Hoje o Maxwell fala por mim...


"Tome meu coração e meu amor
Tome de mim tudo que você quer
E se houver alguma coisa que você precise
Eu te dou o ar que eu respiro
Se você sempre desejar meu amor"

terça-feira, 4 de agosto de 2009

Você tem fome de que ?


Gula.Como não sucumbir a esse pecado?Sei que se depender dele não consigo meu passaporte para o paraíso. Como dizer não ao café da manhã preparado com dengo pelo Amor,o almoço de domingo que a mãe faz do jeitinho que gostamos,a feijoada que aquele amigo prepara só para nos prestigiar de forma carinhosa? A comida esta presente em nossas vidas nos momentos mais prazerosos e de interação com quem amamos.E essa é a parte fantástica .Não podemos fazer disso uma tortura.Celebrar á mesa com quem amamos e a melhor coisa do mundo.Um bolo quentinho,uma caixa de chocolate recebido com doçura,um pãozinho que acabou de sair do forno naquela padaria que amamos. A massa do nosso restaurante predileto.Isso é divino! Só não podemos deixar a comida se tornar a vilã em nossas vidas.Se formos disciplinados,esse é um pecado que conseguiremos administrar de maneira camarada.. Mas e quando não conseguimos ? E quando fazemos da comida um escape para frustrações?E quando nos agarramos a ela como taboa de salvação para tudo que não estamos conseguindo resolver em nossas vidas? Então esta na hora de pedir ajuda. Comer não pode ser remédio para o aperto no peito de ninguém.É hora de encarar esse vilão frente a frente.Procure um médico,vá caminhar,fale com os amigos.A gula esconde grandes frustrações e uma falta de coragem paralisante. Mexe com nossa auto estima e nos afirma que não somos capazes de resolver nossos problemas.Mas nós somos sim.Então depois,quando tudo passar,você descobrirá que celebrar á mesa é sim, muito prazeroso e capaz de aproximações divinas...E que um docinho,com moderação,pode...rs

segunda-feira, 3 de agosto de 2009

Para Krys que acredita em sonhos realizados...


Na última sexta,ao começar minhas leituras diárias dos blogs que amo,me deparei com uma homenagem da minha amiga Krys.Ela ,que tem um blog fofo,que fala de sonhos realizados,postou uma foto minha e disse que faço parte de um sonho que ela realizou .Quase morri de tanta felicidade! É uma sensação maravilhosa saber que fiz diferença na vida dessa incrível mulher!A Krys e eu nos conhecemos há uns 3 anos.Trabalhamos juntas e fomos parceiras durante um tempinho na mesma empresa.Depois a vida levou a gente pra outros caminhos,mas a cumplicidade nunca sumiu.Participei de algumas mudanças em sua vida e ela da minha.Não nos vemos todos os dias,mas temos uma afinidade maravilhosa.Ela já realizou muitos sonhos,principalmente o de formar uma família maravilhosa.Essa grande mulher é mãe da Sofia e da Manuela e esposa do Ricardo.É uma pessoa muito guerreira e sensível.Tem um coração gigantesco e seu maior sonho é consertar o mundo.Fazer dele um lugar melhor para todos nós.Obrigada minha querida.Eu sei que você consegue