quarta-feira, 18 de novembro de 2009

Poesia minha...


Te encontrar é ter nos olhos a promessa de dias felizes
É saber que os sonhos serão contados sem senão
É ouvir que é possível suportar a espera do tempo
Te encontrar é certeza de bocas intermináveis
E de alívio pra dor
É convicção de que há razões pra suportar...
E acreditar no impossível.
Mas apesar dessa possibilidade de felicidade infinita
Existe o dia seguinte
E com ele a frieza
O jeito distante
E a demonstração cruel de que não foi relevante
Com ele vem a culpa
A raiva de se deixar enganar
E a solidão
E mais ainda, a certeza de que os caminhos são mesmo opostos
E que estamos apenas fugindo
Tentando uma solução volátil para nossas escolhas infundadas e infelizes
E com tudo isso,ainda surge a certeza de que foram tolos sonhos
E que teremos que acordar
Te encontrar, é propositalmente demorado
Justamente para que não aja esse vazio do dia seguinte...

9 comentários:

  1. Vai chegar o dia que verei esses lindos poemas seus publicados.Tudo com uma inspiração maravilhosa.Vc sente e nos faz sentir Adri.Um beijo.Domingo fui na loja,mas vc não estava.

    ResponderExcluir
  2. Oi, amiga lindinha.
    Eu também estou com saudades de você. Ah, tenho novidades... em janeiro irei para BH e para o rio. Estarei de férias...
    Pois é, então já combinei com a minha amiga que mora aí e vou te ver. Penso em ir em uma quarta e voltar no domingo. Ainda vou fechar o dia e e te conto. MAs será bem no início de janeiro. Levarei minha filha (a mais velha) comigo. Ela vai amar. Eu estou com vontade de ir para BH, mas queria ir de trem. Porque ela nunca andou de trem. Vamos ver. Porque serão 12 horas de viagem.
    Bem, de qualquer forma, te contarei as novidades. Beijos, querida. Por favor, não suma. SMAC !!!

    ResponderExcluir
  3. Adri, quando vc aparece me dá uma alegria imensa !!! Saudaaaaaaaades infinitas das suas postagens diárias cheias de poesia e também das suas visitas cheias de carinho.
    Imagino a correria no trabalho... quem trabalha com comércio corre demais no final do ano, né ???
    Então se cuida, durma o máximo que conseguir, se alimente direitinho e quando tiver um tempinho deixe um recadinho lindo a poético "aqui" e passe lá no meu cantinho pra me dar um oi e me encher de alegria !!!
    Lindo seu poema, sempre !!!
    Vamos torcer pra um janeiro cheio de "deliciosos encontros"... quem sabe vou ao Rio com Elisa pra te conhecer e te abraçar ???
    Fica com DEUS !!!
    Beijoooooooooocas !!!

    ResponderExcluir
  4. Todo dia seguinte de um amor que parece impossível é dessa maneira dolorosa. Sei que o poeta é um fingidor.Mas só quem sente isso sabe descrever com precisão.

    ResponderExcluir
  5. fazia tempo q eu nao entrava auqi pq achei q vc nao estava postando e me dava mt saudades

    mas como vc mm escreveu, duas pessoas podem ter caminhos opostos... mas saiba q vc continua no meu coração!!

    amei a poesia e vou ler os posts q eu nao vi :)

    bjs mari

    ps: nao acredito q eu perdi o spa facial :(

    bjs mari

    ResponderExcluir
  6. Saudades de você eu estava. Beijos, lindeza!
    Não demore muito a voltar!

    ResponderExcluir
  7. sempre com lindas palavras né aDri!!! saudades de vc!!! espero que esteja td bem... se um dia quiser bater um papinho, me manda um email,a gnt mantém contato!!!

    beijocas

    ResponderExcluir
  8. poxa q linda poesia, super inspirativa para começar o dia :)

    ResponderExcluir
  9. Ei prima.Que poesia linda!Eta mulher doida tu! Mesmo com essa alegria e esse amor maravilhoso que é o Richard,vc consegue nos brindar com o que realmente sentimos quando apostamos num amor sem esperanças.Feliz é vc que com certeza não sente nenhuma dessas tristezas.Mas eu sei que já sentiu.E vc mais do que ninguem é meu exemplo de como passar pelas coisas.Te amo

    ResponderExcluir